quinta-feira, 20 de julho de 2017

Comerciante é baleado na cabeça durante assalto à luz do dia na Serra, ES

A imagem pode conter: carro e atividades ao ar livre
Um dono de uma mercearia foi baleado na cabeça durante um assalto no bairro Feu Rosa, na Serra, na tarde desta quarta-feira (19), por voltas das 13h.
Uma ambulância do Samu socorreu Evandes Félix, de 58 anos. Ele deu entrada no hospital Jaime Santos Neves, na Serra, pouco antes das 14 horas.
Evandes foi internado na UTI e, segundo a família, o estado do comerciante é gravíssimo. Ele foi atingido na cabeça e teve perda de massa encefálica.
No hospital, uma enteada e uma neta acompanham o comerciante e pediram para não ter o nome divulgado. Eles disseram que ainda não sabem detalhes do assalto, mas moradores de Feu Rosa contaram à polícia que o comerciante reagiu a um assalto de manhã. À tarde, os criminosos voltaram ao local para se vingar e atiraram na testa do comerciante.
Segundo a família, o comerciante sofreu outros dois assaltos este ano. A enteada contou que a mercearia funcionava há 25 anos, e que o padrasto era muito conhecido em Feu Rosa.
"Era como uma mercearia de interior. Ele conhecia todo mundo, e era muito respeitado na região. A gente nunca acha que vai acontecer com a gente. A pessoa trabalha tanto e acontece isso", disse a enteada, emocionada.
A Delegacia Patrimonial trata o crime como tentativa de latrocínio, ou seja, assalto seguido de tentativa de assassinato. Por meio de nota, a Polícia Civil informou que investigadores vão ao hospital onde o comerciante está internado para ouvir a família.


No hospital, uma enteada e uma neta acompanham o comerciante e pediram para não ter o nome divulgado. Eles disseram que ainda não sabem detalhes do assalto, mas moradores de Feu Rosa contaram à polícia que o comerciante reagiu a um assalto de manhã. À tarde, os criminosos voltaram ao local para se vingar e atiraram na testa do comerciante.
Segundo a família, o comerciante sofreu outros dois assaltos este ano. A enteada contou que a mercearia funcionava há 25 anos, e que o padrasto era muito conhecido em Feu Rosa.
"Era como uma mercearia de interior. Ele conhecia todo mundo, e era muito respeitado na região. A gente nunca acha que vai acontecer com a gente. A pessoa trabalha tanto e acontece isso", disse a enteada, emocionada.
A Delegacia Patrimonial trata o crime como tentativa de latrocínio, ou seja, assalto seguido de tentativa de assassinato. Por meio de nota, a Polícia Civil informou que investigadores vão ao hospital onde o comerciante está internado para ouvir a família.

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Deu inicio o Campeonato Municipal de Futebol Amador de Aracruz

A imagem pode conter: atividades ao ar livre
Teve início nesse sábado (15/07), a primeira rodada do Campeonato Municipal de Futebol Amador. Até o momento foram realizados 12 jogos, sendo dez na categoria “Titular”, e outros dois jogos na categoria “Aspirante”. As redes balançaram 40 vezes, uma média de 3,3 gols por jogo. Destaque para o atacante Bruno Cavassani, do Dinamarca F.C que fez quatro gols na goleada de 8x1 sobre o Botafogo.
O campeonato conta com 39 equipes, sendo 25 da categoria “Aspirante”, dividida em cinco grupos de cinco equipes, e 14 da categoria “Titular”, dividido em dois grupos com quatro times e outros dois grupos de três times.
O evento é uma realização da Liga de Futebol Amador Aracruzense, com a apoio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude (Semesp) da Prefeitura de Aracruz.
cruz.

Jovens são presos com carro roubado e armas na Serra, ES

A imagem pode conter: carro e atividades ao ar livre
Quatro jovens com idades entre 18 e 22 anos foram presos na tarde de ontem com um carro roubado, no bairro Conjunto Jacaraípe, na Serra, Grande Vitória. O grupo estava com duas armas de fogo, que foram apreendidas pela Polícia Militar. Os detidos foram levados para a Delegacia Regional de Serra.
Policiais militares que participaram da ocorrência contaram que estavam fazendo um patrulhamento de rotina quando avistaram o grupo dentro do veículo, em atitude suspeita. O carro, segundo eles, tinha as mesmas características de um que havia sido roubado nesta segunda-feira (17), em bairro de Fátima, também na Serra.
Após consultarem a placa no sistema da polícia, verificaram que o veículo do grupo tinha restrição de roubo. Os militares começaram a seguir os suspeitos, que perceberam e tentaram fugir, mas acabaram batendo no meio-fio e um pneu acabou furando.
O grupo foi detido próximo ao Terminal de Jacaraípe. No carro estava também um revólver calibre 38 com seis munições e um revólver 357, também com seis balas. Os suspeitos, as armas e o veículo foram levados para a delegacia.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Um dos acessos à cidade de Colatina, está interditado há cinco meses

A imagem pode conter: atividades ao ar livre e natureza
Um dos acessos à cidade de Colatina, está interditado há cinco meses. O barranco cedeu e uma cratera se formou ao lado da pista, depois que uma obra de drenagem começou a ser feita, em fevereiro deste ano. Desde então, nada foi feito para melhorar a situação.
O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) foi procurado pela reportagem, mas não enviou nenhuma resposta sobre a data de início das obras no local.
À medida que o tempo passa, a situação piora, já que a cratera aumenta e, com as últimas chuvas, o barranco cedeu mais. “Está uma vergonha. Já era para estar pronto há muito tempo, porque está atrapalhando muito trânsito”, falou um motorista.
Enquanto o problema não é resolvido, os motoristas que seguem de Vitória precisam atravessar a Segunda Ponte, para fazer o retorno e seguir para o Centro de Colatina, o que significa uma volta com cerca de dois quilômetros.
“O caminho que eu faço, normalmente, eu não preciso, mas tem hora que é necessário dar essa volta e fica demorado”, disse um condutor.
Muitos motoristas preferem se arriscar e cruzam a BR-259 irregularmente para não ter que fazer o retorno. “Isso causa acidente e perigo para as pessoas”, falou o motorista.

Grávida pede medida protetiva contra marido após ser ameaçada com faca, no ES

Nenhum texto alternativo automático disponível.Uma comerciante de 29 anos pediu uma medida protetiva contra o marido, de 25 anos, após ser agredida e ameaçada com uma faca na Serra, na noite deste domingo (16). Segundo a polícia, o suspeito ameaçou tirar o bebê da barriga da mulher com uma faca.
O bairro onde a violência aconteceu e os nomes do casal não serão divulgados para não expor a vítima. Em depoimento à polícia, a comerciante contou que estava trabalhando - os dois possuem uma oficina - quando sentiu-se mal.
Ela ligou para o marido, que estava em casa, e pediu para que ele ficasse em alerta caso precisasse dele e que não deixasse de atender o celular. Um tempo depois, ela voltou a passar mal e ligou para o marido, que não atendeu à ligação.
A comerciante decidiu ir para casa sozinha e, chegando lá, encontrou o marido embriagado. Nervoso, ele passou a questionar como a esposa chegou à residência.
O casal começou a discutir. Alterado, o suspeito empurrava a mulher, enquanto a xingava. Depois, tentou enforcá-la. A filha da comerciante, (do primeiro casamento), de 14 anos, testemunhou as agressões e tentou ajudar a mãe, mas foi ameaçada pelo padrasto.
Segundo a vítima, o marido foi até a cozinha da casa, pegou duas facas e ameaçou matá-la: “Quer que eu tire esse filho da sua barriga agora?”, teria dito.
A comerciante correu para a rua, onde pediu ajuda. Vizinhos acionaram a Polícia Militar e o casal foi levado para o Plantão Especializado da Mulher. Ela não quis representar queixa contra o marido, porém, solicitou medida protetiva contra ele.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...